"SERENATA"

CÍNTIA DE LOS SANTOS & FERNANDO CORDELLA

“Serenata” é o tema do PUCRS Recitais do dia 03 de outubro, com a soprano Cíntia de Los Santos e o pianista Fernando Cordella. Esse trabalho é uma prévia do que está sendo desenvolvido pelo duo na produção de seu novo CD de mesmo nome, contemplado pelo Fumproarte, com repertório erudito para Soprano e Fortepiano - instrumento de teclas, precursor do piano.

 

As obras deste recital foram especialmente selecionadas dentre os compositores J. C. Bach, W. A. Mozart, Marcos Portugal e peças do Cancioneiro dos Açores do Séc. XIX.

 

Cíntia e Fernando são destacados músicos de câmara, com vasta experiência nos palcos nacionais e internacionais, o que confere requinte e alto nível de execução ao PUCRS Recitais de outubro.

CINTIA DE LOS SANTOS (soprano)

 

Cantora Lírica Licenciada em Música pela UFRGS. Trabalha como Cantora, Professora de Técnica Vocal e Preparadora Vocal de Corais desde 1991. É bicampeã do Festival Cantoritiba: em 2016 na categoria música Erudita com o Coral da UFRGS e em 2017 nas categorias música Popular e melhor Coro Misto com o Coral VIVA LA VIDA. Foi Prêmio Açorianos em 2008 com o espetáculo “Beatles Classical Magical Tour” e indicada como melhor intérprete de Música Erudita em 2014. É autora do livro “A Arte da Técnica Vocal – Caderno 1” lançado pela EDIPUCRS em 2017, cantora do grupo “Vocal5” e trabalha no lançamento do CD “Serenata”. É solista convidada para concertos de música erudita e popular com grupos de câmara e orquestras brasileiras. Realiza a sua manutenção e aperfeiçoamento vocal com o Barítono Carlos Rodriguez.

FERNANDO CORDELLA (pianista)

 

É considerado um dos principais cravistas de sua geração na América Latina. Em 2015 recebeu, em São Paulo, o prêmio TOYP JCI Brasil como a figura mais expressiva no Brasil do ano, na categoria “Êxito Cultural”.  Em 2016 assumiu o posto de professor de cravo e da Oficina de Música Barroca da EMMSP – Escola Municipal de Música de São Paulo. Tem atuado fortemente como solista e maestro convidado nas principais orquestras do Brasil. Na música de câmara tem atuado com Peter van Heyghen, Luiz Otávio Santos, Emmanuele Baldini, Roman Garrioud, Michaela Comberti, Juan Manuel Quintana, Rodolfo Richter, entre outros.  Pianista de formação, iniciou seus estudos musicais em Carazinho com Fabiane Tombini, dando seqüência em Porto Alegre, com a pianista Dirce Knijnik. No cravo, teve Nicolau de Figueiredo como seu principal mestre. Vencedor do Premio Açorianos 2011 como melhor intérprete da categoria música erudita pelo disco “CRAVOS – de Frescobaldi a Mozart”. Cordella é diretor artístico e maestro titular da Orquestra Sinfônica de Carazinho e da Sociedade Bach Porto Alegre.

AGENDA LÍRICA
  • Facebook
  • YouTube
  • Instagram
Copyright © 2018 Agenda Lírica