Buscar

DARK VALLEY: OPHELIA - A PERCEPÇÃO DO PAPEL DA MULHER NA SOCIEDADE

Atualizado: Fev 27

Dark Valley no espaço RR44

Crédito: Bel Fischmann


Porto Alegre, 26 de fevereiro de 2020


Dark Valley, banda de metal formada no ano de 2015, em Porto Alegre, recentemente lançou seu novo projeto, trazendo uma narrativa em torno de Ophelia, personagem de Shakespeare na peça Hamlet através do single “This Is War” (primeiro single autoral da banda). Grupo composto pela vocalista Ana Carla De Carli, o guitarrista Fernando Cezar Jr, o baixista Rodrigo Morales e o baterista Felipe Paedo, músicos atuantes na cena local do rock e metal. Segundo Ana Carla, bandas como Jinjer, Lacuna Coil e Arch Enemy são algumas das influências sonoras deste seu mais recente trabalho autoral.


O show ocorrido dia 22, no Espaço RR44, trouxe elementos característicos do metal progressivo Sinfônico, que fazem parte das influências da Dark Valley. Assim como no video clipe lançado recentemente, a banda demonstrou, no sábado 22, essa narrativa em torno de Ophelia, que após uma desilusão amorosa morre afogada num provável suicídio. Através de elementos extras utilizados no palco, tais como o vestuário característico utilizado pela vocalistas Ana Carla De Carli e a performance, é relatado o suicidio quando, ao se banhar em uma especie de sangue em frente ao público, a vocalista transparece toda dor e toda a luta de Ophelia. A ideia central dessa construção artística é reviver a personagem, dando a ela uma segunda chance para valorizar seu potencial feminino e a vida, permeando, também, a percepção do papel da mulher na sociedade.


Conforme os compositores da banda, a discussão sobre a atuação da mulher enquanto criadora de figuras femininas, é inovadora e necessária

Ao longo de vários séculos da História da Arte, a representação da mulher feita por homens pintores, músicos e poetas era a dominante. Conforme os compositores da banda, a discussão sobre a atuação da mulher enquanto criadora de figuras femininas, é inovadora e necessária: ainda há muitos caminhos a serem percorridos na construção dessa nova identidade.


Nas performances ao vivo, o disco “Tales from Dark Valley” será lançado no primeiro semestre de 2020, com sete faixas inéditas. A produção e a mixagem são assinadas por Renato Osorio e Benhur Lima, músicos de currículo internacional na cena do metal.


Saiba mais detalhes sobre a banda e de outros músicos que fizeram parte do processo de composição e arranjos no site: https://www.idarkvalley.com/


Texto e fotos de Bel Fischmann: https://photos.app.goo.gl/Q8z9uooFmGrtGLaF6

AGENDA LÍRICA
  • Facebook
  • YouTube
  • Instagram
Copyright © 2018 Agenda Lírica