FERNANDO TURCONI CORDELLA

(Cravista e Regente)

Foto: Tom Silveira

É considerado um dos principais cravistas de sua geração na América Latina. Em 2015, recebeu, em São Paulo, o prêmio TOYP JCI Brasil como a figura mais expressiva no Brasil do ano, na categoria “Êxito Cultural”.

 

Em 2016, assumiu o posto de coordenador e professor de cravo da Oficina de Música Barroca da EMMSP – Escola Municipal de Música de São Paulo.

 

Tem atuado fortemente como solista e maestro convidado nas principais orquestras do Brasil e exterior.

 

Na música de câmara, tem atuado com Peter van Heyghen (Bélgica) Emmanuele Baldini (Itália), Roman Garrioud (França), Michaela Comberti (Inglaterra), Juan Manuel Quintana (Argentina), Luiz Otávio Santos (Brasil/Holanda), Rodolfo Richter (Inglaterra), entre outros.

 

Pianista de formação, sendo discípulo da importante pianista brasileira Dirce Knijnik, no cravo, teve Nicolau de Figueiredo como seu principal mestre.

 

Foi vencedor do Prêmio Açorianos 2011 como melhor intérprete da categoria música erudita pelo disco “CRAVOS – de Frescobaldi a Mozart”.

 

Cordella é diretor artístico e maestro titular da Sociedade Bach Porto Alegre e da Orquestra Sinfônica de Carazinho, com a qual realiza diversos concertos tendo cantores como solistas.

Possui em seu currículo expressivo trabalho como cravista em óperas e oratórios, tanto do período barroco como do clássico.

AGENDA LÍRICA
  • Facebook
  • YouTube
  • Instagram
Copyright © 2018 Agenda Lírica